Ir para o conteúdo principal

Renato revela conversa com Diego Souza, que pode se despedir mais cedo do Grêmio em 2022

Fotos: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O técnico Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva na manhã desta terça-feira e confirmou uma informação importante a respeito de Diego Souza, que passará por uma cirurgia para correção de uma hérnia inguinal no Grêmio.

+ Renato quer descobrir “X9” do Grêmio e manda recado: “Vai ser mais um desempregado”

De acordo com o treinador, o centroavante pediu para ser liberado assim que o Grêmio confirmar o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. A ideia do jogador é adiantar o procedimento cirúrgico para definir seu futuro o quanto antes. Diego Souza ainda não decidiu se seguirá com a carreira em 2023.

“Eu já sabia (que Diego Souza tinha problema de hérnia), mas era um problema particular dele, que não seria eu que iria falar. Inclusive ele me pediu, que assim que a gente garantir os pontos para a Série A, para ele já fazer o procedimento dele e eu já liberei, sem problema algum”, revelou Renato.

Diego Souza lida com dores há mais de um ano no Grêmio

Diego Souza afirma que convive com as dores em virtude da hérnia inguinal há mais de um ano no Grêmio, sobretudo em jogos e treinamentos, e que por vezes evita trabalhos que exijam maior esforço para contornar a situação.

“Quero deixar o Grêmio no seu devido lugar, aí posso ter tranquilidade e tempo, se vou jogar mais um ano ou não vou optar depois dessa cirurgia (para correção da hérnia). Aí vou estar com a cabeça mais tranquila”, contou Diego Souza em entrevista à Rádio Gre-Nal.

O Grêmio volta a campo pela Série B na próxima sexta-feira para enfrentar o Sampaio Corrêa. Para o confronto, o técnico Renato Portaluppi deve poupar Diego Souza e outros titulares de olho no jogo contra o CSA, no dia 4 de outubro, em Porto Alegre.

Voltar para o topo