Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Por permanência no Grêmio, meia Cícero abriu mão da própria família; Saiba!

[bn]2[/bn]
Contratado no início da semana e apresentado nesta quarta-feira (04), o meia Cícero vê como uma oportunidade única esta passagem pelo Tricoclor. Em sua apresentação oficial, o jogador contou que preferiu deixar a família em São Paulo para que pudesse focar apenas no Grêmio, já que são apenas 2 meses de contrato e ele está restrito a jogar apenas os jogos da Copa Libertadores.

— A minha cabeça está focada neste final (de ano e Libertadores). Eu não pensei em termos contratuais, eu pensei na minha felicidade, na minha vida. A minha família ficou até em São Paulo porque eu quero focar exclusivamente nessa reta-final aqui no Grêmio. É lógico, pra eu continuar aqui, tenho que fazer por onde, algo de especial. Só estou focado nestes 2 ou 3 meses de contrato que fiz aqui.

Cícero é um "sonho" antigo de Renato Portaluppi. Ele foi consultado no início da temporada para reforçar o Grêmio, mas já tinha um acerto prévio com o São Paulo, clube onde ele teve passagem apagada e marcada por polêmicas com a diretoria.

[bn]1[/bn]
Com 33 anos, Cícero passou por clubes como Hertha Berlin/ALE, Wolfsburg/ALE e São Paulo. Curiosamente, ele foi vice-campeão da Libertadores com Renato em 2008, quando Fluminense perdeu nos pênaltis para a LDU do Equador.
 


[leia]1[/leia]

Veja mais em Sem categoria.

Veja mais

Comentários