Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Problema que travava avanço entre Grêmio e Ferreira era um clube amador

Anúncio do novo contrato deve ser realizado nas próximas horas.

Atacante Ferreira, do Grêmio — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A longa novela entre Grêmio e Ferreira está definitivamente próxima de um encerramento. Conforme anúncio feito nesta manhã pelo presidente Romildo Bolzan, o meia atacante está próximo de fechar o novo contrato com o clube e ser reintegrado ao grupo principal. E a medida só foi possível porque os dirigentes gremistas conseguiram a liberação do Pró Gol, escolinha de futebol de Mato Grosso do Sul, que deu a primeira chance ao atleta e que possui 20% dos direitos econômicos.

O Pró Gol fica localizado na cidade de Dourados e vinha sendo a “pedra no sapato” do Grêmio para o acordo com Ferreira nas últimas semanas. As exigências financeiras referente ao fatiamento das porcentagens do atleta estavam impedindo a construção do novo acordo. E foi justamente esse motivo que fez o clube declarar publicamente a desistência na renovação. A medida, porém, foi meramente estratégica e resultou os efeitos esperados.

A relação entre Grêmio e o empresário Pablo Bueno foi muito discutida ao longo da tentativa de reaproximação das partes. Ambos os lados diminuíram o tom nas reuniões recentes, conforme relatos obtidos pela reportagem. A capacidade de recuperar a relação foi determinante para o fechamento do novo vínculo de Ferreira com o Grêmio.

Veja mais em Jogadores do Grêmio.

Veja mais

Comentários