Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Renato cita “trabalho maravilhoso” do Grêmio e cutuca rival por briga no G-6

Renato Portaluppi treinador do Grêmio concede entrevista coletiva

Técnico Renato Portaluppi em entrevista coletiva — Reprodução

Muita calma nesta hora. Este é o pedido do técnico Renato Portaluppi após a derrota seguida de má atuação do Grêmio diante do Athletico-PR, na última quarta-feira, pelo Brasileirão. Conforme o treinador, quem tem motivos para se preocupar é quem ainda luta por uma vaga no G-6 – e que nem sabe se vai conseguir.

A fala de Renato se encaixa perfeitamente para o rival Internacional. O time colorado acabou derrotado na última rodada para o Goiás, em pleno Beira-Rio, e passou a ver a vaga para Libertadores de 2020 ameaçada. Ainda de acordo com o treinador, o Grêmio, já classificado, depende de si mesmo para garantir um lugar na fase de grupos do torneio continental.

“O Grêmio está no G-4. O trabalho é maravilhoso, o Grêmio depende de si próprio [para se garantir na fase de grupos da Libertadores]. Quem tem que estar desesperado é quem está lá atrás, brigando pelo G-6. Ou nem vai entrar no G-6. Muita tranquilidade nessas horas… Não tem que se desesperar. Tem que se desesperar quem está lá atrás. O Grêmio está muito bem, tem 17 vitórias e depende de si próprio”, disse.

Quarto colocado, o Grêmio tem 59 pontos na tabela de classificação, mesma pontuação do Athletico-PR. Ainda que encerre sua participação no Brasileirão em sexto lugar, estará garantido na fase de grupos da Libertadores. O sétimo e oitavo, hoje Corinthians e Internacional, respectivamente, ainda terão de passar por uma fase eliminatória.

Pelo Brasileirão, o Grêmio volta a campo no domingo, contra o São Paulo, na Arena, em partida válida pela 36ª rodada da competição. A bola rola a partir das 19h.

Veja mais

Comentários