Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Retomada da Libertadores será marcada por mudanças na escalação do Grêmio

Cinco caras novas estarão em em campo no Chile na comparação com o Gre-Nal de março.

Getty Images

O técnico Renato Portaluppi iniciou o planejamento para o duelo diante da Universidad Católica, no Chile, na próxima quarta-feira. Para a retomada da Libertadores, o Grêmio tem problemas para montar a escalação titular, já que são sete os problemas do treinador para a partida. Se comparar com o último time que entrou em campo na competição, cinco serão as mudanças.

O departamento médico é o principal ponto de preocupação e motivo de mudanças em relação ao Grêmio que enfrentou o Internacional no último dia 12 de março pelo torneio. Victor Ferraz e Maicon estão em tratamento por conta de problemas musculares e, segundo relatos preliminares, não terão tempo hábil de se recuperarem para o enfrentamento. Com isso, Orejuela e Darlan terão sequência no time, uma vez que Matheus Henrique volta naturalmente após sair do time por suspensão no Campeonato Brasileiro.

Na lateral-esquerda, Caio Henrique foi o titular na última rodada da competição continental, mas, com o retorno do atleta para a Europa, Bruno Cortez reassumiu o setor. Mesmo com a chegada de Diogo Barbosa, o camisa 12 será mantido para o jogo desta quarta-feira. Já no ataque, Cebolinha, vendido, será substituído por Everton, contratado no meio do ano. Pepê, o novo titular do lado esquerdo, está suspenso por conta da expulsão no Gre-Nal, além de estar lesionado.

Caio Henrique em campo pelo Grêmio — Richard Ducker

A última diferença entre os times das duas rodadas, separadas por seis meses por conta da pandemia, será Isaque. O jovem substituirá Jean Pyerre, que também está em tratamento por problemas físicos. Desta vez, Renato utilizará um meia articulador entre os titulares, diferente de março, quando optou por uma formação com três volantes para encarar os colorados.

Porém, uma ausência sentida pelo técnico Renato Portaluppi garantirá a continuidade de um nome do último clássico pela Libertadores: David Braz. Em março, Kannemann se recuperava de lesão no departamento médico e não pôde estar em campo na Arena. Na retomada da Libertadores, o argentino viverá situação parecida, agora com problemas musculares na coxa esquerda, tendo previsão de retomada apenas no final de setembro.

Clique aqui para receber todas as notícias do Grêmio em nosso grupo no Telegram.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Atacante Isaque comemora gol pelo Grêmio — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Para encarar a Universidade Católica, na próxima quarta-feira, às 21h30, o provável Grêmio terá: Vanderlei; Orejuela, Pedro Geromel, David Braz e Bruno Cortez; Darlan e Matheus Henrique; Alisson, Iaaque e Everton; Diego Souza.

Veja mais

Comentários