Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Volante colorado se diz injustiçado por expulsão em lance com Diego Souza

Damián Musto foi expulso após lance com Diego Souza

Musto, do Inter, expulso no Gre-Nal — Wesley Santos / PressDIgital

Se de um lado Cortez foi expulso pelo Grêmio, do outro Musto deixou “tudo igual” para o Inter no clássico deste sábado na Arena pelo Brasileirão, igualado em 1×1. Mas, na sua visão, o cartão vermelho aplicado por Raphael Claus no lance com Diego Souza no segundo tempo passou longe de ser justo.

Na jogada, que foi checada pelo VAR, o jogador argentino acerta o centroavante gremista com o braço.

“Quero esclarecer como foi. Senti o Diego Souza me tocar por trás do lado esquerdo. Quando viro, sinto ele do outro lado. Única coisa que fiz foi abrir o braço. Não na altura do rosto, simplesmente para não deixá-lo passar. O que posso dizer é que estou orgulhoso desta equipe. Da alma do time e de como peleia a cada jogo. Sinceramente, estou doído, mas não arrependido. Não fiz nada para ser expulso. Foi rigoroso com a decisão e muitos precisam ver meus antecedentes, minha maneira de jogar, mas pedi desculpas à equipe e peço aos torcedores”, declarou o jogador às mídias oficiais do seu clube.

Musto, vale lembrar, já havia sido expulso no primeiro Gre-Nal do ano quando o Grêmio venceu por 1×0 pela semi do primeiro turno do Gauchão.

Veja mais em Clássico GreNal.

Veja mais

Comentários