Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Após criticar Thiago Neves, Jael evita apontar “culpado” por fase ruim do Grêmio

Atual jogador do Matsumoto Yamaga-JAP segue sintonizado nos temas gremistas

Jael comemora gol pelo Grêmio — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Em postagem feita nas suas redes sociais oficiais nesta quinta-feira, um dia depois de ter criticado Thiago Neves pela ironia depois da derrota do Grêmio para a Universidad Católica, o centroavante Jael voltou a se pronunciar na web.

Apesar de ter dito que Thiago Neves sabia quem era “o culpado de tudo isso”, em alusão aos maus resultados recentes gremistas, Jael, dessa vez, não apontou alvos e elogio o técnico Renato Portaluppi, o presidente Romildo Bolzan Jr e o CEO do clube, Carlos Amodeo.

“Mediante os vários comentários que recebi após a minha manifestação de ontem, afirmo que tenho máximo respeito e gratidão ao Renato, técnico que me abriu as portas no Grêmio, me dando a oportunidade de vestir o manto tricolor, assim como tenho pelo presidente Romildo e o Amodeo – CEO do clube, que sempre foram leais comigo, inclusive na minha saída. A minha manifestação foi em defesa aos meus ex-colegas e acima de tudo ao Grêmio, clube que nunca escondi a enorme identificação que possuo. Não sou eu que devo dizer quem é o culpado pelo momento que o clube atravessa, e tenho certeza que existem profissionais qualificados para recolocar o time no caminho certo”, postou Jael.

Após ser alvo de protestos na Arena nesta quinta, o Grêmio volta a campo domingo, 16h, contra o Palmeiras, em casa, pelo Brasileirão.

Veja mais

Comentários