Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Clube espanhol opta por não exercer a opção de compra, e atacante retorna ao Grêmio

Rodrigo Fatturi / Grêmio FBPA

Mesmo com o destaque obtido na disputa da Primera División RFEF, equivalente à terceira divisão do sistema da liga espanhola de futebol, o Celta de Vigo optou por não exercer a opção de compra fixada em contrato com o Grêmio para adquirir em definitivo o centroavante Fabrício, de 21 anos.

+ Grêmio acerta o empréstimo de Fernando Henrique para rival da Série B até 2023

O atacante tinha contrato de empréstimo com o Celta encerrando-se no último dia 30 de junho. A cláusula contratual para a compra do atleta estava determinada em 1.150 milhão de euros por 90% dos direitos econômicos.

Durante a passagem pelo clube espanhol, Fabrício disputou 30 jogos, com sete gols marcados e uma assistência concedida. Nas partidas em que o atacante de 21 anos atuou, seja como titular ou saindo do banco de reservas, o Celta de Vigo B obteve 14 vitórias, sete empates e nove derrotas, totalizando 54,44% de aproveitamento.

Com o time de Vigo não exercendo a opção contratual, Fabrício retornará ao Grêmio, com quem possui vínculo vigente até o final de 2023. Mesmo ainda tendo contrato com o Tricolor Gaúcho, a tendência de momento é que o jovem centroavante não permaneça em Porto Alegre para o restante da temporada.

+ Confira as últimas do Grêmio no Mercado da Bola

Conforme apurado pela reportagem, o destaque obtido no Celta fez com que alguns clubes do continente europeu já realizassem observação e sondagem pelo atleta.

Você pode gostar

Comentários