Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Diretor Jurídico do Grêmio retorna após afastamento: “Me sinto bem”

Nestor Hein ficou dois meses afastado do cargo.

Flickr / Grêmio FBPA

O advogado Nestor Hein, que ocupa o cargo de diretor jurídico do Grêmio, voltou a comandar a pasta nesta segunda-feira após dois meses afastado. A licença foi um pedido do próprio dirigente, que alegou questões pessoais para se distanciar.

Segundo ele, o período foi revigorante e já está disponível para prestar os seus serviços ao clube.

“Me sinto bem em voltar as minhas atividades, como um jogador lesionado que volta ao time em seu melhor”, disse em tom de brincadeira.

Nos 60 dias em que Nestor Hein não esteve no clube, os advogados precisaram trabalhar. Além dos assuntos ligados as contratações, o contrato de Thiago Neves foi motivo de polêmica, gerando, inclusive, a rescisão contratual do jogador.

“Essas negociações vem prontas para nós. O departamento jurídico do Grêmio atende por questões legais, não se o contrato é bom ou ruim”, afirmou antes de completar “Acho que o dispositivo do contrato do Thiago salvou o Grêmio. Se o contrato fosse de dois anos não teria mais o que fazer além de cumprir”.

Agora com o terreno mais calmo e com os resultados de campo aparecendo, Nestor volta aos serviços com a tranquilidade desejada. O diretor jurídico aproveitou o período de licença para conversar com os torcedores por meio das redes sociais. Em dado momento, foi taxado como crítico do clube, algo desmentido por ele.

“Jamais criticaria porque sei como é trabalhar lá dentro. Eu apenas conversava com os torcedores. Aproveitei muito e recebi grandes ideias que levarei adiante junto a direção”, concluiu.

Veja mais em Diretoria do Grêmio.

Comentários