Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Mesmo longe, Wendell mantém carinho pelo Grêmio: “Virei torcedor fanático”

Lateral-esquerdo está no Bayer Leverkusen, da Alemanha

Wendell deixou o Grêmio em 2014, mas segue lembrando com “carinho” do clube mesmo atuando no futebol alemão, onde defende as cores do Bayer Leverkusen. A ideia é retornar ao Tricolor quando deixar do futebol europeu.

Conforme o jogador, em entrevista ao repórter César Fabris, mesmo de longe, segue acompanhando e torcendo pelo Grêmio e ainda afirma ser um “torcedor fanático” do clube.

“O carinho que ficou de Porto Alegre é o que mais me motiva a acompanhar e torcer para o Grêmio hoje. Independente de onde eu esteja, eu acho que virei um torcedor fanático do Grêmio. Quem sabe um dia eu possa voltar e ganhar os títulos que não ganhei da última vez”, disse.

Wendell defendeu o Grêmio entre as temporadas de 2013 e 2014. Foram apenas 31 jogos pelo Tricolor antes de ser negociado com o Bayer Leverkusen por cerca de 5 milhões de euros, algo em torno de R$ 16 milhões, conforme a cotação da época.

Aos 26 anos, o lateral-esquerdo é peça importante na equipe alemã e recentemente recebeu sondagens do Atlético de Madrid, da Espanha.

Veja mais em Ex-jogadores do Grêmio.

Comentários