Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

No Twitter, Grêmio se manifesta sobre caso do atacante Yony González, do Fluminense

O Grêmio já está ciente e tomará as medidas cabíveis sobre o suposto caso de racismo, na Arena, no último domingo. Após marcar o 5° gol dos cariocas, o atacante Yony González teria sido chamado de "macaco".
[bn]50[/bn]
No Twitter, o tricolor gaúcho se manifestou de forma oficial:

"O Grêmio informa sua torcida e demais entes que tomou conhecimento do vídeo publicado nas redes sociais que sugere injúria racial contra o atleta Yony González, do Fluminense. O Clube está apurando o ocorrido e de antemão manifesta seu inteiro repúdio a todos os tipos de injúria" – veja o post:
 


Mais cedo, à Rádio Gre-Nal, o vice-jurídico Nestor Hein deu a sua análise:
[bn]51[/bn]
“É do nosso interesse tirar os racistas do contexto dos estádios, já falamos isso. Não quero me eximir da responsabilidade. Amanhã estarei na Arena para verificar as nossas câmeras internas e tentar fazer a localização. Se algum gremista identificou o fato, que possa nos procurar para relatar. Sem dúvida isso traz um prejuízo ao Grêmio. Para nós, é uma situação anômala e nojenta. Não me preocupa a punição, o prejuízo já é irreparável. Se algum torcedor gremista ouviu, entre em contato conosco”, destacou o dirigente.

 

Veja mais em Sem categoria.

Veja mais

Comentários