Ir para o conteúdo principal

Agora treinador, Tcheco, ex-Grêmio, responde se trabalharia no Internacional

Geraldo Bubniakx / FotoArena

Atuando como técnico de futebol desde 2018, o ex-gremista Tcheco descarta a possibilidade de um dia trabalhar no arquirrival Internacional. O treinador justifica a negativa explicando sua identificação com o Grêmio.

+ Grêmio bate o martelo sobre Pedro Raúl, que estaria apalavrado com Renato

Eu não faria isso. Pelo respeito ao Inter e principalmente pelos torcedores do Grêmio. Meu perfil como pessoa não permitiria isso”, disse em entrevista à Rádio Gre-Nal.

Tcheco está no comando Azuriz atualmente, clube recém fundado que fica localizado na cidade de Pato Branco, no Paraná. Nos últimos dias, recebeu sondagens do novo presidente do Grêmio, Alberto Guerra, para trabalhar no tricolor, mas na função de auxiliar técnico, e recusou.

+ Últimas do Grêmio: Pedro Raúl apalavrado com Renato, oferta por Michael e atacante emprestado

Segundo Tcheco, o auxiliar técnico vinculado diretamente ao clube, por muitas vezes, acaba colocado de lado pelo treinador: “O auxiliar técnico é visto às vezes como uma ameaça e pode acabar sendo escanteado no clube”.

Tcheco no comando do Azuriz

Após duas temporadas no comando do Cascavel-PR, Tcheco terá a missão de conduzir o novato Azuriz na próxima edição da Série D do Campeonato Brasileiro, que no ano que vem disputou também o Campeonato Paranaense e a Copa do Brasil.

Voltar para o topo