Ir para o conteúdo principal

Após reunião, Grêmio decide não fazer mudanças, mas próximo jogo será determinante

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Em reunião na tarde desta quarta-feira, o Grêmio decidiu que não fará mudanças até a partida contra o Vila Nova, na Arena, pela Série B. O técnico Roger Machado seguirá no comando da equipe, bem como Dênis Abrahão continuará no cargo de vice de futebol.

+ Como o Grêmio pode encaminhar retorno à Série A em setembro

O duelo de sexta-feira, no entanto, passa a ser determinante para o futuro de ambos no clube. Em caso de um novo tropeço do Grêmio, a tendência é de que Roger e sua comissão técnica sejam demitidos. Da mesma forma, Abrahão corre riscos de ser dispensado da pasta.

Roger quase foi demitido após derrota para o Criciúma

Mais cedo, o repórter Diogo Rossi, do site Torcedores, trouxe a informação de que Roger só não foi demitido após a derrota para o Criciúma por conta da falta de opções no mercado. Renato, em um primeiro momento, teria sinalizado negativamente quanto à possibilidade de retornar ao comando da equipe.

Com a permanência de Roger Machado, o clube torce por uma reação semelhante à do primeiro turno da Série B, quando o Grêmio engatilhou uma sequência de vitórias e abriu vantagem dentro do G-4.

Agenda do Grêmio

Sem muito tempo para descansar, o Grêmio volta a campo na próxima sexta-feira para encarar o Vila Nova, na Arena, em duelo válido pela 28ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A bola rola a partir das 21h30.

Voltar para o topo