Ir para o conteúdo principal

Biel revela que até o Fluminense ficou incrédulo com o rebaixamento do Grêmio

Lucas Uebel/Grêmio

Ainda no Fluminense, tendo momentos de titularidade e de reserva, Biel viu de longe a frustração do Grêmio ao longo de 2021. Fruto de erros esportivos e administrativos, o clube gaúcho experimentou a sua amarga terceira queda de divisão na história.

+ Biel revela ter se apaixonado por uniforme do Grêmio e explica dificuldades na Série B

Meses depois, Biel chegava ao Grêmio para ajudar na reconstrução visando o já obtido acesso à Série A de 2023:

“Eu acompanhava o Grêmio e falava que não iria cair nunca. O time do Grêmio não era ruim. Lá no Fluminense ninguém imaginava. Faltavam muitas rodadas, mas foi diminuindo. Quando foi ver, caiu. Eu falei: ‘Não é possível’. O time era bom, tinha peças boas. Mas quando é pra acontecer, acontece. Não tem muita explicação”, disse o jogador ao jornalista Duda Garbi.

Acesso era certo, diz Biel

Na mesma entrevista, o jogador, que ainda não tem permanência certa para 2023, disse que sabia que o Grêmio subiria de divisão desde o início:

“O Roger falava mais de coisas de jogo, o auxiliar falava com a gente sobre tudo. Nos falava da importância de subir. Eu achava que subiríamos certo. Se jogasse certinho, um com outro, sem discutir com outro, iria subir”, acrescentou Biel.

Voltar para o topo