Ir para o conteúdo principal

Grêmio joga mal, perde para o Cruzeiro em casa e cai para 4º no Brasileirão

Um espectador desavisado poderia imaginar, em alguns momentos, que se tratava de um amistoso. Sem inspiração e com pouca chance de aproximação do líder Corinthians, Grêmio e Cruzeiro não valorizaram o esforço dos poucos torcedores que encararam a noite chuvosa na Arena. Só que o time mineiro foi um pouco mais eficiente e, com gol de Rafael Sóbis, venceu por 1 a 0. 
[bn]2[/bn]
No jogo que marcou mais uma etapa da contagem regressiva para as semifinais da Libertadores, o Grêmio mostrou que ainda precisará melhorar muito. No segundo turno do Brasileirão, já são cinco derrotas.  

A produção ofensiva do Grêmio ficou abaixo do esperado. O time tinha menos velocidade do que a torcida exigia e ainda precisava cuidar dos perigosos Alisson e Rafinha. Bem controlado por Arthur, Thiago Neves pouco aparecia.

O equatoriano Arroyo até chegou a empolgar nos primeiros minutos, com deslocamentos rápidos e ousadia no drible, mas pareceu perder gás com o passar dos minutos. Aos poucos, passou a atuar muito recuado, quase como um armador. O garoto Jean Pyerre, outra surpresa de Renato, em que pese exibir qualidade nos passes, sentia, no início, a natural falta de naturalidade para tentar os dribles. Cercado pelos grandalhões Digão e Manoel, Lucas Barrios tentava reter a bola como pivô, mas suas iniciativas não eram acompanhadas por Fernandinho, bem controlado pela marcação. 

Assim, restavam as investidas dos laterais Edilson e Marcelo Oliveira como alternativa para furar o bloqueio do Cruzeiro, comandado por Henrique e Hudson, dois volantes muito seguros. A primeira oportunidade surgiu aos 13 minutos. Depois de receber de Edilson, Fernandinho concluiu por elevação, mas sem oferecer perigo. Um pouco antes, a defesa esperou pela marcação de impedimento e deixou Alisson livre para um chute bem defendido por Grohe.
[bn]1[/bn]
Jean Pyerre mostrou personalidade aos 25 minutos. Em cruzamento de Edilson, ele surgiu por traás de Hudson, mas seu cabeceio foi para cima, facilitando o trabalho do goleiro Rafael. O garoto de Alvorada voltaria a ser protagonista a 40 minutos, em bom passe para Lucas Barrios, que chutou sobre Digão. Depois disso, só o chute forte, mas alto de Edilson, em cobrança de falta, fez o torcedor erguer-se das cadeiras na expectativa do gol. Ficava para os gremistas que enfrentaram a chuva a certeza de que, sem Luan, o time tem muita dificuldade de criação. 

Como o marasmo se estendeu ao início do segundo tempo, Renato chamou Patrick e Everton como tentativa de abrir o marcador. Em sua última participação antes de ser substituído, Arroyo quase marcou em cobrança de falta, a 10 minutos. Aos 20, Arthur fez passe a Barrios, que serviu a Fernandinho para uma conclusão perigosa, ainda que sem o melhor ângulo para o arremate. 

Chance bem melhor foi a de Everton. A 22 minutos, em novo cruzamento de Edilson, ele arrematou bem perto da trave esquerda. Indício de vitória? Nada disso. Aos 23, no único lance em que sua criatividade veio à tona, Thiago Neves fez passe rasteiro, Geromel não alcançou e Sóbis, na frente de Grohe, fez 1 a 0. 

Até o fim da partida, o que se viu foi um inesperado e preocupante desacerto coletivo do Grêmio. Detalhes que, em duas semanas, Renato precisará correr para corrigir. 
[bn]9[/bn]

BRASILEIRÃO, 28ª RODADA, 10/10/2017

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Jailson e Arthur (Beto da Silva, 35'/2º); Fernandinho, Jean Pyerre (Patrick, 11'/2º) e Arroyo (Everton, 11'/2º); Lucas Barrios.
Técnico: Renato Portaluppi

CRUZEIRO: Rafael; Ezequiel, Digão, Manoel e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson, (Lucas Romero, 38'/2º), Rafinha e Thiago Neves; Alisson (Rafael Marques, 17'/2º) e Rafael Sóbis (Élber, 40'/2º)
Técnico: Sidnei Lobo (interino)

Gol: Rafael Sóbis (C), a 23 minutos do segundo tempo.
Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo, auxiliado por Jose Reinaldo Nascimento Jr. e Daniel Henrique Andrade (trio brasiliense)
Renda: R$ 234.055,00
Público: 9.217 (7.851 pagantes)
Local: Arena do Grêmio

PRÓXIMO JOGO: BRASILEIRÃO
15/10/2017, DOMINGO, 19H
CORITIBA X GRÊMIO

Voltar para o topo