Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

“O Jean é um diamante do clube”, diz dirigente ao lamentar lesões do meia do Grêmio

Atleta ficará mais duas semanas afastado por conta de problemas musculares.

A instabilidade física recente do meia Jean Pyerre tem gerado comoção interna no Grêmio. O motivo é o entendimento de que o jogador é dotado tecnicamente das características necessárias para ser um grande craque, mas as lesões impedem a sua afirmação.

Em entrevista, o vice de futebol tricolor, Paulo Luz, falou sobre o esforço interno para vencer o momento médico do atleta.

“As nossas áreas, em um comitê multidisciplinar, estão trabalhando da melhor forma para superar essas adversidades para recolocar o atleta em condições de voltar a ser uma alternativa para o Renato integralmente”, disse.

Jean Pyerre voltou a sentir as dores musculares na coxa direita após atuar por 20 minutos contra o São Paulo, no último sábado. Após passar por exames, o meia foi comunicado que não teve nova lesão, mas precisará de um novo período de fortalecimento muscular. O longo tempo afastado da equipe é um dos motivos de preocupação no Grêmio.

Aos 21 anos, Jean não atua como titular desde o dia 30 de agosto, quando a equipe se tornou campeã Gaúcha em 2020. De lá para cá, o meia sofreu com novos problemas clínicos, entre eles a contaminação por Covid-19.


“O Jean é um diamante do clube e de fato tem passado por muitas dificuldades”, concluiu Luz.

Veja mais

Comentários